Suplementos Alimentares

Rádio ESPORTESNET

Mostrando postagens com marcador Corinthians. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Corinthians. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 9 de abril de 2018

Esporte Mania recebe Thiago Oliveira


     Nesta terça-feira, 10 de abril, a Rádio ESPORTESNET receberá no programa ESPORTE MANIA o ilustre treinador de futebol, Thiago Oliveira. Vamos conversar muito sobre futebol, paulistão e grandes "causos" da bola. A partir das 20h30, direto da Bonaiute Pizzaria.

     Participe!!!! Edição #279


 
WhatsApp: (11) 9.6829.1749

Ouça pelo Tunein: http://ow.ly/1y4G303L5v0

Ouça no RadiosNet: http://ow.ly/91zr303L5cp

Ouça no Rádios Online Brasil: http://ow.ly/fWRl303L6d3

Baixe o aplicativo da Rádio ESPORTESNET para Android:

Inscreva-se em nosso canal no YouTube: www.youtube.com/user/ESPORTESNEToficial

Siga-nos no Instagram: @esportesnet

Siga-nos no Twitter: @ESPORTESNET_




quarta-feira, 16 de março de 2016

Libertadores na Rádio ESPORTESNET - Corinthians X Cerro


Em parceria com a Rádio Memória Corinthiana hoje tem Libertadores na Rádio ESPORTESNET, Corinthians X Cerro ao vivo http://ow.ly/ZySoL 


Nosso aplicativo para Android: http://ow.ly/ZySQG 




O portal democrático do esporte www.esportesnet.com.br www.radioesportesnet.com.br

Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: contato@esportesnet.com.br


Participe, deixe sua opinião sobre o que quer ver no #ESPORTESNET e no ESPORTE MANIA no Facebook, curta a fan page: http://ow.ly/5EI2c

quinta-feira, 5 de julho de 2012

Vai Corinthians !!!!!!




     Chegou o dia, nem mesmo o grande poeta, Nelson Rodrigues a qual este ano se comemora seu centenário, não conseguiria escrever com tantos traços de dramaticidade e talvez com requintes de crueldade futebolística.

     Mas como em todo romance, tudo deu certo e o Corinthians finalmente conquistou a Taça Libertadores da América, agora sem dúvida um título internacional conquistado com legalidade, dignidade e acima de tudo, bom futebol pela equipe da capital paulista, de 102 anos de tradição e glórias mil.

    Parabéns ao Corinthians que pela primeira vez em sua história teve a ombridade de trabalhar com um projeto definido, valorizar o grupo, respeitar o trabalho de um treinador como Tite que a alguns anos foi injustiçado no Palmeiras ao fazer um bom trabalho e ano passado quase foi execrado pela Fiel Torcida, esta mesma torcida que hoje grita aos quatro ventos que Tite é um gênio, mas que pediu sua cabeça ao perder para o Tolima.

    Corinthians este que ao trazer jogadores como Danilo que muitos consideram lento, sem sal, mas que foi fundamental no equilibrio tático e no toque refinado, colocou magia ao meio campo corinthiano. Liedson que para muitos estava acabado ajudou muito a equipe quando solicitado. Chicão, um leão na zaga do time. Time que descobriu a muralha Cássio, que trouxe a tranquilidade que a equipe precisava e na raça e equilíbrio de Ralf e Paulinho achou uma dupla sensacional para empurrar a máquina alvinegra e não podemos esquecer é claro do mais recente talismã, Romarinho, o menino que chegou "ontem" ao Parque São Jorge, entrou em uma "fogueira" em La Bombonera perdendo de 1 a 0 para o Boca e com uma frieza digna dos grandes do futebol mundial empatou o jogo e na minha opinião, ali ganhando o título.

    Este é o título do time de maior torcida do Brasil. Parabéns aos Corinthianos por finalmente terem em sua galeria um legítimo título internacional e assim colocar a sua galeria um selo na sua tão frondosa história.

Por Fernando Alves Firmino

Sheik colocou um sorriso no rosto dos torcedores. Foto: Tom Dib


Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: esportesnetbr@yahoo.com.br


Participe, deixe sua opinião sobre o que quer ver no #ESPORTESNET e no ESPORTE MANIA no Facebook, curta a fan page: http://ow.ly/5EI2c

sexta-feira, 29 de junho de 2012

Futebol e festa


Por Fernando Alves Firmino


Balotellii emociona a torcida na Euro. Foto: Twitter.


                Esta semana o futebol no Brasil e na Europa viram festas se iniciarem. Na Europa presenciamos a Espanha, atual campeã mundial e européia se garantir nos penaltis à final do torneio, passando pela seleção portuguesa de Cristiano Ronaldo. Na outra semifinal a favoritissíma Alemanha, caiu diante da Itália de Balotelli e Pirlo, a seleção germânica esteve irreconhecivel e a Itália também estava, jogando muito bem, dominou amplamente a partida e Marco Balotelli, o louco, marcando dois gols e desencantando na reta final.

                Teremos uma final puramente latina na Euro, com Espanha e Itália, certeza de uma grande partida, daquelas que entrarão para o imaginário dos amantes do futebol, como para mim foi marcante, quando criança a final da Euro de 1988 entre Holanda e União Soviética.

                E quando se fala em festa no futebol, devo aqui abordar a festa corinthiana por todo o Brasil, a equipe da capital paulista, sob o comando de Tite e ai uma ressalva a diretoria que mesmo em momentos conturbados, manteve o treinador e acreditou no trabalho que agora culmina em um momento mágico, jogando com uma disciplina e tranquilidade jamais vista pelo Timão, suportou a tradicional e temida equipe do Boca Júniors em pleno La Bombonera pela primeira partida da final da Copa Santander Libertadores. Agora a batalha vai para o Pacaembu, que com certeza será palco de muitas emoções e de uma festa incrível, daquelas que só a magia do esporte pode proporcionar, lógico que os Corinthianos serão tão fanáticos ao ponto de afirmarem que só eles sabem fazer festa no estádio, natural, afinal para o apaixonado, somente seu amor é lindo e maravilhoso os dos demais é apenas uma paixão.

                Com certeza na próxima semana nosso encontro ira falar de paixão, alegria, tristeza, sentimentos a qual o ser humano consegue desfrutar em mágicos noventa minutos, quando a bola rola e o apito do arbitro decreta o fim do soneto e a consagração das emoções mais profundas.

                Gostaria aqui de encerrrar lembrando que esta semana comemoramos dez anos da conquista do título de 2002 pela seleção brasileira la no continente asiático com uma bela vitória por 2 a 0 sobre a Alemanha, boas lembranças, não é Mano Menezes? Abraços cordiais a todos e muitas vitórias...



Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: esportesnetbr@yahoo.com.br 


Participe, deixe sua opinião sobre o que quer ver no #ESPORTESNET e no ESPORTE MANIA no Facebook, curta a fan page: http://ow.ly/5EI2c

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Obrigado Doutor

     Sócrates foi mais quem um grande jogador, é uma daquelas figuras que ficam marcadas pelas suas atitudes e muito sem engana que estou dizendo por sua vida boêmia, pois isto não serve de parametro pois muitos gênios foram boêmios e mesmo assim são ovacionados por todos.

Na seleção, um capitão que opinava.


     Sócrates sim como ídolo teve um papel fundamental na sociedade, usou de sua imagem como atleta para lutar por algo mais importante que empurrar a rede para gol, algo maior do que levantar uma taça, pois taças, ah o que são taças se não um pedaço de metal que só será comemorado naquele momento e por muitos esquecidos anos depois, mas o título que Sócrates se juntou a muitos para lutar, foi o título de liberdade, democracia, título este que não se apaga da memória, que fica  encrustado em nossa carne para todo o sempre e ele dentro do esporte é sem dúvida o símbolo maior da luta pela democracia.

     Que diga-se a democracia corinthiana que ficou marcada e até hoje é um marco no esporte nacional, como dizia o próprio Magrão (Apelido carinhoso do jogador), todos aqueles que participaram do movimento tiveram suas vidas mudadas.

     É Magrão, você mudou algumas vidas, mas infelizmente não conseguiu lutar contra o vício, que foi preponderante para a derrota de sua última batalha.

    Ficamos com a lembrança daquele jogador desengonçado que para muitos poderiam dizer: Este magricela sabe jogar bola? É tem jogador russo, argentino e tantos aqui em terras tupiniquins tentando entender como aquele cara tinha tanta habilidade com os calcanhares, sua marca registrada. Sócrates, foi único, um homem que da humildade se fez no futebol, se preocupou em ter conhecimento, estudou, se formou médico e com seu conhecimento, sempre foi uma voz ativa contra as crueldades do futebol, contra aqueles que destroem a cada dia a paixão nacional, que o legado deste Brasileiro de nome e coração não seja em vão e que assim como o filósofo e xará da Grécia antiga, seus pensamentos se perpetuem pelas gerações vindouras.

     Magrão, esteja onde estiver o ESPORTESNET com muita humildade ira tentar manter seus ideais vivos.



Mais que um atleta, um pensador.

Profº Fernando Alves Firmino - 06 de Dezembro de 2012.

Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: esportesnetbr@yahoo.com.br


 Assista ao programa ESPORTE MANIA, na TSTV: http://ow.ly/64PTi

Participe, deixe sua opinião sobre o que quer ver no #ESPORTESNET e no ESPORTE MANIA no Facebook, curta a fan page: http://ow.ly/5EI2c

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

De vilão a incontestável! Tite é o técnico de 2012.

Tite comemora o pentacampeonato (Foto: Ari Fereira)

    A conquista do principal campeonato nacional, confirmada no último domingo, no Pacaembu, não apenas coloca Tite na história vitoriosa do Corinthians, como o credencia a figurar numa seleta lista de treinadores com status de quase incontestáveis, como Muricy Ramalho, Felipão, Parreira e Luxa.

     O caneco do Brasileirão, de quebra, evita um quarto insucesso consecutivo no comando da equipe em apenas 14 meses. Algo que, segundo o próprio Tite, tornaria sua permanência quase impossível.

     Mas não foi nada fácil chegar até a última rodada na briga para levantar o caneco. A boa campanha no Brasileirão, sendo inclusive primeiro colocado na maioria das rodadas, não foi suficiente para tirar da memória de boa parte dos corintianos o fracasso diante do Tolima, na primeira fase da Libertadores.

     Somou-se ao insucesso diante dos desconhecidos colombianos a perda do Nacional do ano passado a três rodadas do fim para o Fluminense de Muricy, a derrota na final do Paulistão para o Santos e os momentos de turbulência da equipe na própria competição, normais para uma disputa com 38 rodadas.

     Mas Tite suportou tudo isso. E contou com o pulso firme do presidente Andrés Sanchez que, apesar da pressão externa para demiti-lo, não roeu a corda. E oportunidades para isso não faltaram. Algumas delas com a tradicional participação das torcidas uniformizadas, que pediram a cabeça do técnico em pelo menos três oportunidades (veja abaixo). Isso sem falar na cornetagem de conselheiros do clube e pessoas próximas ao presidente.

      A decisão de Andrés foi consequência do que ele e os responsáveis pelo departamento de futebol profissional pensavam sobre o trabalho do treinador, que não levava em consideração só os resultados. E todos tinham razão. O trabalho continuou e o penta se confirmou!

Três momentos em que Tite ficou à beira da demissão:

Tolima – Libertadores

     Terceiro do Brasileiro-10, o Timão teve de encarar a 1 fase da Libertadores, contra o Tolima (COL). Após fazer uma pré-temporada às pressas e com uma certa soberba diante do desconhecido rival, deu vexame. Resultado: protestos violentos da torcida e o treinador como foco principal. Andrés, contrariando todas previsões, bancou Tite no cargo.

Santos - Paulistão

    Apesar do bom trabalho de reconstrução da equipe, que perdeu Ronaldo, Jucilei e Roberto Carlos, o Timão amargou o vice do Paulistão, após derrota para o Santos, de Neymar. Apesar de nunca ter sido considerado favorito, o Corinthians não foi campeão e, somado ao insucesso na Libertadores, Tite se viu outra vez à beira da demissão. Andrés, de novo, segurou-o.

Santos – Brasileirão

     O confronto contra o Peixe no segundo turno, no Pacaembu, foi pior momento do treinador no BR-11. Com a derrota por 3 a 1, Timão perdeu a ponta. A pressão voltou forte. Membros de uniformizadas foram ao estacionamento e pediram a saída de Tite em encontro com o gerente Edu Gaspar. Andrés, pela terceira vez, mostrou convicção e bancou o técnico.

Leia mais no LANCENET! http://www.lancenet.com.br/corinthians/vilao-incontestavel-Tite-tecnico_0_603539670.html#ixzz1fg9ya8hp

© 1997-2011 Todos os direitos reservados a Areté Editorial S.A Diário LANCE!

Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: esportesnetbr@yahoo.com.br


Assista ao programa ESPORTE MANIA, na TSTV: http://ow.ly/64PTi

Participe, deixe sua opinião sobre o que quer ver no #ESPORTESNET e no ESPORTE MANIA no Facebook, curta a fan page: http://ow.ly/5EI2c

terça-feira, 22 de novembro de 2011

O fascismo fanático contra o Corinthians - Por Bruno Anderson

    


    Não tive a oportunidade de assistir Corinthians e Atlético-MG, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro, no último domingo, 20. Mais de 37 mil torcedores no Pacaembu acompanharam o jogo que pode nos render o título, com um gol do Imperador Adriano, e que me custou a perda de mais alguns parcos fios de cabelo que me restam, sem contar o teste cardíaco, onde o meu coração, pensei, quase saira pela boca.

    Acompanhando pelo rádio, vibrei, entusiasmado, quando o técnico Tite colocou o Adriano. Sacou o Willian, para variar, aos 22 minutos do 2° tempo, quando o Corinthians perdia, sem muita perspectiva de virada. Um jogo, na verdade, modorrento. O Atlético, como time pequeno, fazia “cera” e o Timão sem muita criatividade. Dentro da minha intuição, eu sabia que iríamos virar o jogo mais uma vez. Em 2011, de 15 jogos que o Corinthians saiu perdendo no campeonato 6 foram virados, especialmente no Pacaembu, a casa corintiana.

    A essa altura, a mídia falada, televisada e escrita não perdia o péssimo hábito imediatista de emitir comentários pejorativos sobre o líder de 22 rodadas, e vociferava sua ira não só contra a instituição Corinthians, mas, especialmente, ao Imperador, que sem discutirmos o mérito, recupera-se, tardiamente, de uma lesão que o afastou dos gramados desde abril, quando chegou ao Parque São Jorge.

   Adriano entrou no jogo. Estava1x0 para o Atlético e, assim como em 2010, caso perdesse, o Corinthians estava fora da disputa pelo penta campeonato. Pesado, lento e irresponsável por não ter se recuperado no tempo ideal, segundo os "jornalistas", Adriano era empurrado para o limbo, enquanto os "anti-corinthianos" o apedrejavam em seus microfones mal assombrados.

    Liédson, que joga no mais puro sacrifício, empatou o jogo. Não conseguia comemorar o gol, pois direcionava sua mão aos joelhos "depauperados" e desgastados por mais de um ano e meio sem férias. Para completar a ira da imprensa paulista, Adriano recebeu uma bola na entrada da área, mesmo com os "200 quilos" imposto pela mídia, arrancou, tirou o zagueiro de cena com um simples olhar, e com um toque de craque, leve e preciso, tirou o goleiro para marcar 2x1 no placar e devolver a esperança alvinegra.

    Nessa hora, não só o Pacaembu veio abaixo. Os tais jornalistas, que há menos de 10 minutos tinham execrado o Imperador, se curvaram a um dos momentos mais marcantes e históricos na vida do Corinthians. Mais uma virada, com gol, que pode ser o do título, do "gordo", "irresponsável" e "culpado" por ter se machucado. Pelo menos é assim que vendeu nossos "setoristas", durante parte das transmissões.

   Todos aqueles que falavam mal e tripudiavam do alvinegro, renderam-se à grandeza do clube e Adriano, como um Messias, garantiu a alegria de 30 milhões de um bando de loucos, garantindo a liderança do campeonato, com apenas duas rodadas para o seu final. Depois de domingo, aos fascistas que envergonham o jornalismo esportivo e deixam de torcer para seus times contra o Corinthians, minhas lamentações. Desejo que continuem torcendo contra que o merecido título está chegando.

   Quanto aos seus trabalhos na mídia, sugiro que deixem de ser "imediatistas" e passem a analisar uma partida e um profissional pelo seu histórico dentro de campo. Mudar de opinião todos tem direito. Agora ser do contra por inveja e burrice é o mais puro exercício do fascismo fanático contra o maior clube da história do esporte brasileiro.

Bruno Anderson é jornalista, corinthiano, apaixonado por esportes e um dos grandes incentivadores do ESPORTESNET e ex-apresentador do ESPORTE MANIA no rádio.


Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: esportesnetbr@yahoo.com.br


Assista ao programa ESPORTE MANIA, na TSTV: http://ow.ly/64PTi

Participe, deixe sua opinião sobre o que quer ver no #ESPORTESNET e no ESPORTE MANIA no Facebook, curta a fan page: http://ow.ly/5EI2c

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Oficial! Corinthians desiste da contratação de Tevez

Tevez, ídolo da torcida corinthiana, não virá mais.

     Conforme o #ESPORTESNET através de sua página no Facebook confirmou ontem, a contratação de Carlitos Tevez não deu certo. Depois de fazer uma proposta astronômica de 40 milhões de euros (cerca de R$ 90 milhões) e de negociar por mais de uma semana com o Manchester City (ING), o Corinthians anunciou nesta terça-feira o fim da negociação pelo argentino.

     A desistência ocorreu após mais um empecilho colocado pelos ingleses na negociação. A última imposição foi a obrigatoriedade do pagamento á vista da primeira parcela de 10 milhões de euros (cerca de R$ 22 milhões). O Timão, que propôs a quitação em quatro parcelas, com início em fevereiro de 2012, não teria como arrumar esse dinheiro ainda esta semana. Isso sem falar no valor referente aos 15% cobrados pela Receita Federal, que agregaria outros R$ 3,3 milhões.

     Essa foi apenas a última pedra colocada pelo City nas negociações. A primeira foi a reclamação do parcelamento em quatro anos, com a intenção de receber em quatro parcelas de seis meses. Ou seja, em dois anos.


Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: esportesnetbr@yahoo.com.br



Seja membro da Fan-Page do ESPORTESNET e ESPORTE MANIA http://www.facebook.com/pages/ESPORTESNET-Oficial/219777118063894

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Fielzão assusta parceiros.

     O contrato de terraplenagem do terreno do Fielzão que Corinthians e Odebrecht negociam para iniciar as obras do Fielzão antes da liberação do dinheiro do BNDES está empacado.
     Nenhuma parte quer o assumir prejuízo, no caso de o projeto do estádio não ir à frente. O episódio mostra que apesar dos avanços junto à Prefeitura e Fifa, os parceiros ainda estão cautelosos.
     Muitas dúvidas pairam sobre o projeto do Fielzão, tomara que a obscuridade aparente do projeto no que diz respeito a sua execução seja só aparente, pois até agora não se viu atitudes quanto ao mesmo.



Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: esportesnetbr@yahoo.com.br

 Twitter: @feafirmino

segunda-feira, 2 de maio de 2011

Finais do Paulistinha serão no Pacaembu e Vila Belmiro

     Após reunião na sede da Federação Paulista de Futebol (FPF) na tarde desta segunda-feira, Santos e Corinthians definiram que o primeiro jogo da final do Campeonato Paulista, com mando do Timão, ocorrerá neste domingo no Pacaembu. A segunda partida será no dia 15 de maio, na Vila Belmiro.

    A decisão aconteceu após reunião entre o Conselho Técnico da FPF, Andrés Sanchez e Luiz Álvaro Ribeiro, presidentes de Corinthians e Santos, respectivamente. As duas partidas têm início marcado para as 16 horas (de Brasília).
     No encontro, ficou acertado que a renda dos dois jogos será divida pelos times em partes iguais. A divisão dos ingressos continuará como nas semifinais: 95% ficarão com os mandantes, enquanto 5% serão dos visitantes.

    Troféu do Interior - A Federação também definiu as datas para a decisão entre Oeste e Ponte Preta, pelo Troféu do Interior. O primeiro jogo acontecerá nesta quarta-feira, em Campinas, em horário ainda indefinido. O segundo jogo será no próximo sábado, às 18h30 (de Brasília), em Itápolis, no estádio dos Amaros.

Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: esportesnetbr@yahoo.com.br

Twitter: @feafirmino

Palmeiras joga melhor, perde e sai aplaudido por torcida.

     O que mais dói no torcedor palmeirense é que a equipe foi melhor durante a maior parte da partida deste domingo, contra o Corinthians, pela semifinal do Campeonato Paulista.
     Por isso, o time deixou o gramado aplaudido. Já os corintianos celebraram com euforia a eliminação sobre o arquirrival.
     Tecnicamente, o clássico no Pacaembu não foi um primor. Mas ninguém reclamou da falta de vontade e de emoção. Até os 20min, o Palmeiras dominou o jogo, com boas chegadas de Valdivia.
     As expulsões de Danilo e Scolari e a saída de Valdivia, machucado, mudou o panorama. O Corinthians cresceu e passou a atacar --na tentativa de aproveitar o nervosismo do time rival--, mas sem conseguir chegar ao gol.
     No segundo tempo, com um Palmeiras mais calmo e melhor postado em campo, o jogo, surpreendentemente, ficou favorável aos comandados de Scolari.
     Aos 8min, Marcos Assunção cobrou escanteio e Thiago Heleno desviou de cabeça. O Palmeiras tinha um jogador a menos, mas jogava melhor e estava na frente.
    Tite mandou o time todo ao ataque: trocou o lateral Alessandro por Ramírez e Dentinho por Willian. Em dez minutos, o Corinthians empatou, também em escanteio, com Willian.
    "Não posso dizer que foi injusto. Erramos no gol deles. Eles fizeram por merecer o gol de empate", disse Scolari.
     Até o fim do duelo, o Palmeiras ainda levava perigo nos contra-ataques, principalmente com Kleber. O Corinthians, por sua vez, não criava chances agudas.
     A decisão foi para os pênaltis. Kleber, Assunção, Márcio Araújo, Luan e Thiago Heleno fizeram para o Palmeiras. Chicão, Willian, Fábio Santos, Leandro Castán e Morais, pelo Corinthians.
    Nas séries alternadas, João Vitor chutou mal, Júlio César defendeu. Ramírez bateu bem e selou a vaga.
    "Não consigo ver outra forma de vencer a não ser pelos próprios méritos", comentou o finalista Tite.

Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: esportesnetbr@yahoo.com.br

Twitter: @feafirmino

terça-feira, 26 de abril de 2011

Ronaldo promete ajudar Adriano, mas sem a 9ine

    


     Ronaldo promete ajudar Adriano a dar a volta por cima no Corinthians, mas a 9ine, empresa da qual o ex-jogador é sócio, não vai agenciar a imagem do polêmico atacante. Nesta segunda-feira o Fenômeno disse ao Sportv que o auxílio será por causa da amizade que os dois nutrem há anos.

     "Não fizemos contrato formal, mas logicamente vou ajudá-lo. Ele é um grande amigo meu", disse o ex-atacante, que intermediou as conversas para que o Timão contratasse o Imperador. "O Adriano estava em uma situação difícil e disse a ele que era uma oportunidade de dar a volta por cima".
     A empresa do Fenômeno foi criada para cuidar de contratos publicitários envolvendo grandes talentos do esporte. Anderson Silva, lutador de MMA, foi o primeiro a acertar. Além disso, há um acordo com o empresário Wagner Ribeiro em relação aos jovens Neymar e Lucas e também houve negociações com Ganso, mas por enquanto sem sucesso.
     Ronaldo disse que percebeu no amigo a vontade de voltar a jogar bem no futebol brasileiro. "A primeira coisa que perguntei foi se ele queria ser ajudado e a resposta foi 'sim'. O primeiro passo para sair desse buraco em que ele se meteu é voltar a jogar e fazer gol", opinou, sem esquecer de deixar claro que Adriano precisa "se ajudar".
     "Ninguém faz milagre... Não que seja um milagre colocar o Adriano nos eixos", acrescentou, antes de ponderar. "O futebol esconde muitos defeitos quando você faz gols, ganha jogos e conquista títulos. E todo mundo tem defeitos".
     Adriano rompeu o tendão de Aquiles da perna esquerda, foi operado na semana passada e ficará cerca de cinco meses em recuperação. Ronaldo sabe que o amigo ficou abatido com o problema, mas acredita que a volta por cima não foi cancelada, mas apenas adiada. "Eu acredito nele e o Corinthians também está ajudando nesse projeto".

Ronaldo empresário?

     O ex-jogador fez questão de deixar claro que a função da 9ine é cuidar apenas da imagem de jogadores e empresas. Apesar de ter participado das negociações entre Timão e Adriano, além de ter iniciado as conversas com o holandês Clarence Seedorf, do Milan, Ronaldo diz que não atua como empresário. "Eu só aproximei os jogadores do Corinthians".
    R9 também disse não saber sobre supostas conversas entre o santista Paulo Henrique Ganso e o presidente Andrés Sanchez. "A situação do Ganso com o Santos não é bem resolvida, mas não participo de negociação com jogador. Participei de um encontro com o Ganso, mas não sei se ele falou com Andrés depois".

Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: esportesnetbr@yahoo.com.br

Twitter: @feafirmino

quarta-feira, 20 de abril de 2011

Adriano passa por cirurgia para recuperar-se

     O atacante Adriano passou por uma cirurgia no tendão de Aquiles na manhã desta quarta-feira, no hospital São Luiz, localizado no bairro do Morumbi, em São Paulo. Segundo Joaquim Grava, médico do Corinthians que supervisionou o procedimento, a operação foi considerada um sucesso, mas o Imperador ainda não tem previsão de alta.
    Adriano sentiu fortes dores durante um treinamento supervisionado pelos fisioterapeutas do clube na última terça-feira. Depois de realizar exames, ficou constatada a ruptura total do tendão de Aquiles.
    Com contrato assinado até o final do ano, Adriano só deve voltar a atuar no segundo turno do Campeonato Brasileiro, já que a previsão inicial de recuperação é de cinco meses. Ainda nesta quarta-feira, o médico Joaquim Grava explicará os detalhes da recuperação do Imperador.


Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: esportesnetbr@yahoo.com.br

Twitter: @feafirmino

www.ts.tv.br/esporte_mania.html

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Palmeiras e Corinthians unidos pelo meio-ambiente

     O Palmeiras oficializou na manhã desta segunda-feira a união ao Corinthians no projeto Jogando pelo Meio Ambiente, iniciativa lançada em 2010 pelo Banco Cruzeiro do Sul, que já contava com o Timão no ano passado. A campanha tem como ideia promover o plantio de árvores em uma reserva ambiental e incentivar a responsabilidade socioambiental. O evento foi realizado no Auditório Armando Nogueira, no Estádio do Pacaembu, e contou com a participação dos goleiros Julio Cesar e Deola, de Corinthians e Palmeiras, respectivamente.
     Desde o início de 2010, o projeto promove o plantio de 100 árvores a cada jogo e mais 100 a cada gol do Corinthians. Agora, além de mais um time para dobrar a quantia, outras ideias serão colocadas em prática para aumentar a quantidade. A cada pênalti defendido pelos goleiros rivais, 200 árvores serão plantadas. Além disso, mais 100 estão programadas para os jogos em que os arqueiros não sofrerem gols. Para 2011, a estimativa do projeto é plantar cerca de 50 mil árvores em uma reserva ambiental privada, localizada em Salto do Pirapora.
     - Acho que é uma coisa muito importante. Antes de entrar em campo, temos de lembrar do nosso planeta. Entro no projeto porque sei que isso pode ajudar meus filhos e meus netos - declarou o goleiro corintiano.
     - Pode parecer simples, mas é muito importante para o mundo. Qualquer coisinha que a gente fizer já vai ajudar nossos netos e bisnetos - completou Deola.
     Também estavam presentes no evento os diretores de marketing Rubens Reis, do Palmeiras, e Luís Paulo Rosenberg, do Corinthians. Para o dirigente do Timão, a oportunidade da parceria entre dois rivais serve para mostrar que o conflito entre os dois clubes é apenas dentro de campo. Mesmo assim, Rosenberg voltou a brincar com o São Paulo, outro rival corintiano, mas afirmou que mantém uma boa relação com a diretoria tricolor.
     - O respeito pelo São Paulo é o mesmo que temos por outros clubes. É a brincadeira que alivia a violência. Se nós não temos estádio, eles têm um panetone. A rivalidade é dentro de campo, mas a relação com a diretoria do São Paulo é estreita - afirmou o diretor, que na última sexta-feira havia alfinetado a torcida são-paulina.



Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: esportesnetbr@yahoo.com.br

Twitter: @feafirmino

www.ts.tv.br/esporte_mania.html

sexta-feira, 8 de abril de 2011

São Caetano/Corinthians/UNIP perde para AABB no Estadual 2011

     Jogando em seus domínios a equipe principal do São Caetano/Corinthians/UNIP recebeu a AABB na noite desta quinta-feira (7). O timão não fez uma boa partida e foi derrotado pelo placar de 3 a 2. O duelo marcou a estreia do ala Fineo que se recuperou de uma cirurgia no adutor e fez uma boa partida. 
     Com o resultado negativo os alvinegros seguem na quarta colocação com 3 pontos.
   Os primeiros 20 minutos tiveram o domínio dos visitantes, a equipe do Parque São Jorge, não se encontrou durante o período e saiu perdendo por 1 a 0 com gol de Vilian. No período final os donos da casa melhoraram. A equipe passou usar o pivô Caio Junior como referência e o jogador marcou por duas vezes. Mas a noite não era do timão e o pivô Vilian fez mais dois gols e deu números finais ao jogo. 
     O próximo encontro dos alvinegros será na próxima terça-feira (12) contra o Wizard/Pulo do Gato no Parque São Jorge. 





     * Com informações de Juliano Del Manto


     Fonte: Marco Diniz

Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: esportesnetbr@yahoo.com.br

 Twitter: @feafirmino

 www.ts.tv.br/esporte_mania

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

The dream is over...

          Assim como os beatles, para o Corinthians o sonho acabou, primeiro foi a saída de Roberto Carlos e agora Ronaldo que anuncia o fim de sua carreira. Uma carreira marcada por lesões e problemas extra campo mas também por muitos titulos como os abaixo relacionados:

1993 - Copa do Brasil(Cruzeiro);
1994 - Campeonato Mineiro(Cruzeiro);
1996 - Copa da Holanda e Super Copa da Holanda(PSV);
1997 - Copa da Espanha, Supercopa da Espanha e Recopa da Espanha(Barcelona);
1998 - Copa da UEFA(Internazionale);
2002 - Mundial de Clubes(Real Madri);
2003 - Campeonato Espanhol(Real Madri);
2009 - Campeonato Paulista e Copa do Brasil(Corinthians);

Pela Seleção Brasileira:

1994 - Campeonato Mundial;
1997 - Copa América e Copa das Confederações;
1999 - Copa América e Copa das Confederações;
2002 - Campeonato Mundial.

        Devemos lembrar de Ronaldo pelos seus feitos pelo craque que foi e por ter superado tantos problemas como suas lesões que poderiam já ter encerrado precocemente sua carreira e mesmo assim ele retornou, lutou e venceu, tornou-se o maior artilheiro da história das Copas do Mundo. Brilhou nos maiores clubes do mundo mas infelizemente sua ultima cartada no Corinthians não deu certo, foi mais um blefe que infelizmente não lhe rendeu o grande prêmio que ele deseja alcançar e agora este fim de carreira é melancólico para alguém com uma carreira tão brilhante quanto a dele.
         Agora o Corinthians tem um sério problema para administrar com relação a seu departamento de Marketing que deve dar cambalhotas para mantes patrocinadores e equilibrar as contas do clube sem seu grande garoto propaganda, aguardemos os próximos capitulos desta novela.


Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: esportesnetbr@yahoo.com.br

sábado, 12 de fevereiro de 2011

E Roberto Carlos deixa o timão

     O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, oficializou na manhã deste sábado, no CT Joaquim Grava, a rescisão de contrato do lateral esquerdo Roberto Carlos, de 37 anos. O experiente defensor alegou estar sendo ameaçado pela torcida alvinegra, pois não participou do jogo decisivo na Colômbia, contra o Deportes Tolima, que culminou na eliminação do Timão na Pré-Libertadores.
    Na ocasião, Tite alegou que o seu camisa 6 sofria com dores na perna direita e não se sentia confiante para jogar bola. Apesar de ser acusado de pipoqueiro pela torcida, ele afirmou, durante uma entrevista coletiva do meia Rivaldo, do São Paulo, que continuaria no Corinthians, mas mudou de ideia.
     Com propostas do Los Angeles Galaxy, dos Estados Unidos, e do Suleiman Kerimov (RUS), o destino do jogador deve ser mesmo o exterior. A rescisão foi decidida durante uma reunião na sexta-feira, entre Andrés, Roberto, o diretor adjunto Duílio Monteiro Alves e o agente Fabiano Farah.
     "Por comum acordo, decidimos liberar. Não estou decepcionado. Tem uma proposta fantástica lá fora. O Roberto Carlos não está deixando o clube apenas pela pressão. É de tudo um pouco. Tem as ameaças, a família, os filhos e uma proposta milionária", revelou Sanchez. "Oferecemos toda a segurança possível. Nós não vamos pagar nada, assim como ele".
     Em 4 de janeiro do ano passado, Roberto Carlos foi apresentado no Parque São Jorge para cinco mil torcedores. Embora tenha chegado prometendo títulos, ele fez parte dos fracassos no Campeonato Paulista, na Libertadores e no Campeonato Brasileiro. No total, foram 64 jogos, cinco gols, oito cartões amarelos e dois vermelhos.
     A decisão de Roberto Carlos vai manchar a imagem do Corinthians no exterior, tal qual a imprensa internacional ja esta recheando as páginas com notas sobre o ocorrido e destacando a violência da torcida fiel.

Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: esportesnetbr@yahoo.com.br

domingo, 6 de fevereiro de 2011

Meia William é morto em BH

     O meia William, jogador do Corinthians emprestado ao América-MG foi morto na madrugada de Sábado para Domingo em Belo Horizonte ao sair de uma balada. Segundo informações os assaltantes queriam sua corrente.
     "Recebemos uma ligação sobre um roubo ali na região da Pampulha, e quando chegamos no local vimos o corpo. O indivíduo que cometeu o crime tentou retirar a corrente dele e ele acabou não gostando ou reagindo e levou um tiro no tórax. Estava conversando com a menina na frente da boate e aconteceu isso", disse o soldado Portugal, da Polícia Militar de Belo Horizonte, em entrevista à Rádio Itatiaia.


O meia que pertencia ao Corinthians tinha apenas 19 anos.

Participem, escrevam, envie suas opiniões e sugestões: esportesnetbr@yahoo.com.br